Lixo na montanha …. E muito

Enquanto você corre em meio às lindas paisagens que marcam as corridas de montanha, você pensa que é um privilegiado em poder estar lá curtindo a natureza, o visual, as trilhas, o céu azul, as montanhas.  E é um privilégio mesmo.

Mas, eis que você se depara com uma embalagem de gel jogada na trilha. Recolhe. “Bom, tudo bem, acontece. Deve ter caído sem querer”. Poucos metros depois, um saquinho zip. Você recolhe. Mais adiante, cascas de banana, de laranja ou os restos mortais de uma maçã.

Desde o ano passado eu comecei a reparar na quantidade de lixo que os atletas deixam “cair” durante as provas. Eu imagino que quem se aventura nesse tipo de empreitada ama e respeita a natureza. Será mesmo?

Eu reservo um bolso do meu short ou da minha mochila para acondicionar as embalagens e os restos de frutas que eu consumo durante as minhas provas e treinos. Levo também um saco de lixo. Mas estou começando a achar que os bolsos de muitos atletas estão furados ou, pior, que eles são negligentes e porcos mesmo.

Na palestra de orientação do El Cruce deste ano a organização implorou encarecidamente que se observasse a importância de não abandonar lixo pela trilha dos parques que percorreríamos. Foi como pregar no deserto. Ao deixarem o local da palestra, realizada em um imenso gramado verde no centrinho do Cerro Catedral, muitos – muitos mesmo – cruceiros largaram pelo chão garrafas vazias de água e de isotônico, embalagens de sanduíches. Uma porqueira.

E nas trilhas não foi diferente. Mesmo sendo proibido levar gel em embalagem (ele deveria ser acondicionado nosqueeze entregue a cada atleta), encontrei dezenas jogadas pelo chão. E restos de frutas. E mais garrafas de água e de isotônico.

Isso é triste, lamentável, preocupante e me fez refletir sobre se – realmente – os atletas que estão no trail run curtem mesmo a natureza.  Jeitinho estranho de demostrar esse amor, não?

 

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code

Copyright © 2016 Montanha Minha Praia - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio