Skyrunning em Campos do Jordão

Resumidamente skyrunning significa correr nas montanhas a uma altitude superior a 2 mil metros e com desnível acentuado, muitas vezes superior a 30%. Em outras palavras: um perrengue danado.

E foi exatamente essa a aventura enfrentada pelos mais de 40 participantes do training camp Mutuka’s Trail realizado no último sábado no Pico do Itapeva em Campos do Jordão, na lindíssima Serra da Mantiqueira.

Eu sabia que seria (bem) difícil quando o organizador do camp, Marcos Roberto dos Santos, recomendou, no e-mail do convite do evento, para que cada atleta realizasse uma sincera autoanálise de suas condições físicas e psicológicas antes de optar pelo pelas três distâncias de percurso de 7 km, 15 km ou 21 km.

Esperta após minha arrogância na KTR Ilhabela, elegi, como brincou meu amigo Arthur Cordeiro, terceiro colocado nos 160 km do La Mission 2017, a opção “kids” com “apenas” 7 km e 1.000 metros de desnível acumulado.

Sob um frio de 2◦ C e com o vento castigando, partimos por um single track pico abaixo.  Percurso técnico, bem marcado. Com o terreno ficando cada vez mais acidentado, o jeito foi utilizar as cordas de segurança e aproveitar a experiência para analisar a forma mais segura de escorregar morro abaixo.

Já diz o ditado que para descer todo o Santo ajuda. Pois apelei a todos os Santos e mais alguns no momento em que as subidas tomaram conta do trajeto. Subi, literalmente, engatinhando. Foi um percurso curto sim, mas de tirar o fôlego em todos os sentidos.

Adoro training camps. Eles nos permitem adquirir e testar habilidades e nos possibilitam aproveitar o melhor que a corrida de montanha tem a oferecer: a amizade e a solidariedade.

Começando pelo sanduíche carinhosamente preparado pelo Marcos e que me garantiu a energia necessária para concluir o percurso. Ou o abraço carinhoso dos amigos Arthur Cordeiro, Denis Kuroiwa, Paulo Ivo Lopes, Paty Andrade, Gabriel Ciszewski e André Santos. Ou ainda o estender de mãos solidário do Bruno ou do Vitor, os novos amigos que a montanha me apresentou, nos momentos mais difíceis do trajeto.

Passadas apenas 72 horas da aventura em Campos já conto os dias para encontrar a Mutukada novamente. Foi bom demais. Namastê, galera!

2 respostas para “Skyrunning em Campos do Jordão”

  1. Bruno disse:

    Um perrengue bom!rs Valeu Karen, a montanha sempre nos presenteando com novos amigos. Até a próxima!

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

code

Copyright © 2016 Montanha Minha Praia - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio